Semmer Contabilidade


INSS: Confira como fica o seu salário com o reajuste da contribuição

  • 14/01/2021



     

    INSS: Confira como fica o seu salário com o reajuste da contribuição

    O reajuste nas aposentadorias e pensões, publicado no Diário Oficial da União desta quarta-feira (13), deve impactar o salário de todos os trabalhadores de carteira assinada e beneficiários do INSS.

    As contribuições serão reajustadas em 5,45% nos salários de janeiro, porém o reflexo começa a ser sentido a partir de fevereiro, quando o valor é, de fato, reajustado.

    Quem contribui sobre um salário mínimo, por exemplo, vai ter desconto de R$ 82,50 no holerite se o piso for de R$ 1.100. Caso o governo corrija o salário mínimo pelo INPC, o piso pode subir para R$ 1.102. A contribuição, neste caso, passa pra R$ 82,65.

    Com o novo cálculo, criado pela reforma da Previdência, a variação dinfluencia todas as alíquotas para empregados do setor privado. Os descontos vão de 7,5% (para quem recebe o salário mínimo) a 14% (para o trabalhador que recebe o teto previdenciário), a depender da faixa salarial:

    • 7,5% para até um salário mínimo (R$1.100);
    • 9% para salários entre R$ 1.100,01 e R$ 2.203,48
    • 12% para salários entre R$ 2.203,49 e R$ 3.305,22
    • 14% para salários entre R$ 3.305,23 e R$ 6.433,57

    As taxas são progressivas. Ou seja, cada percentual incide sobre a parte do salário correspondente a cada faixa de cobrança. Por exemplo, quem recebe R$ 2.100, pagará 7,5% sobre R$ 1.100 e 9% sobre o restante, R$ 1.000, resultando em uma contribuição total de R$ 172,50.

    Confira abaixo a alíquota efetiva nos salários com o novo reajuste. Os cálculos foram feitosd pelo Ieprev (Instituto de Estudos Previdenciários).

    Salário

    Contribuição

    Alíquota

    1.100

    82,50

    7,50

    1.300

    100,50

    7,73

    1.500 

    180,50

    7,90

    1.700

    136,50

    8,02

    1.900

    154,50

    8,13

    2.100

    172,50

    8,21

    2.203

    181,81

    8,25

    2.300

    193,40

    8,40

    2.500

    217,40

    8,69

    2.700

    241,40

    8,94

    2.900

    265,40

    9,15

    3.100

    289,40

    9,33

    3.300

    313,40

    9,49

    3.400

    327,29

    9,62

    3.600

    355,29

    9,86

    3.800

    383,29

    10,08

    4.000

    411,29

    10,28

    4.200

    439,29

    10,45

    4.400

    467,29

    10,62

    4.600

    495,29

    10,76

    4.800

    523,29

    10,90

    5.000

    551,29

    11,02

    5.200

    579,29

    11,14

    5.400

    607,29

    11,24

    5.600

    635,29

    11,43

    6.000

    691,29

    11,52

    6.200

    719,29

    11,60

    6.400

    747,29

    11,67

    6.433,57

    751,99

    11,68

     

    Fonte: Portal www.contabeis.com.br


Fique por dentro das notícias on-line

Veja todas as notícias on-line
Subir ao topo